Relações à distância...Será possível?

 

 

Para primeiro tema a retratar aqui no blog pediram-me para falar nas relações à distância...Ora aqui está algo que a meu ver tem muito que se lhe diga!

 

Antes de mais vou deixar assente que acredito em relações à distância, claro que tem os seus inconvinientes mas querendo tudo resulta. E acredito porquê? Ora, os meus pais são um exemplo disso mesmo, estavam a 200km de distância, conheceram-se....muitas cartas foram mandadas, casaram e hoje cá estou a escrever estas linhas, ora se hoje temos internet, telemóveis e outros gadgets que nos permitem facilmente falar e ver a cara metade por mais longe que ela esteja, ainda mais fácil é das coisas resultarem...

 

E vocês agora devem estar a pensar, "Muito bem, como é simples ter uma relação à distância, vou já namorar com um/a esquimó/a", no entanto se tecnológicamente os tempos até trouxeram facilidades aos namoros à distância, as "novas" mentalidades acabaram por vir complicar tudo um pouco...Isto porque cada vez mais as hormonas dos jovens saltitam que parecem doidas, são as pulsões(desculpa Miuda mas esta tinha de ser xD) e mais que nunca cair na tentação de trair a cara metade a fim de acalmar as...pulsões, parece ser algo terrivelmente comum...Depois aqui para o mesmo acto há dois resultados completamente distintos, se for ela a trair ele, a coisa vai maios ou menos nesta onda: "Querido desculpa, eu estava tão carente e tu estavas tão longe...Mas eu amo-te à mesma"...Agora se for ele a trair ela, ui..."O QUÊ? SEU PORCO, ESTÁ TUDO ACABADO E BLA BLA BLA WHISKAS SAQUETAS BLA BLA BLA"...mas claro que é tudo muito subjectivo neste aspecto, ainda que a reação dele seja mais imprevisível...Digo eu!

 

Enfim, a meu ver se a relação for para valer e se as pessoas se gostarem MESMO uma relação sobrevive perfeitamente à distância, aproveitem as tecnologias e controlem as pulsões e tudo se desenrolará bem!

 

Entretanto não percam a mordaz análise da Verónica a este tema que certamente irá levantar mais celeuma que a minha :D

 

PAZ

 

Otto

publicado por Otto às 19:33
link do post | comentar